Jesus reza ao Pai por você

dom-joao-inacio

Paz e bênçãos. Jesus reza ao Pai por você – Jo 17, 20-26.
Naquele tempo, Jesus ergueu os olhos ao céu e disse:

“Pai, santo, não rogo só por eles, mas também por aqueles que hão de crer em mim, por meio da sua palavra, para que todos sejam um só, como Tu, Pai, estás em mim e Eu em ti; para que assim eles estejam em Nós e o mundo creia que Tu me enviaste. Eu dei-lhes a glória que Tu me deste, de modo que sejam um, como Nós somos Um. Eu neles e Tu em mim, para que eles cheguem à perfeição da unidade e assim o mundo reconheça que Tu me enviaste e que os amaste a eles como a mim. Pai, quero que onde Eu estiver estejam também comigo aqueles que Tu me confiaste, para que contemplem a minha glória, a glória que me deste, por me teres amado antes da criação do mundo. Pai justo, o mundo não te conheceu, mas Eu Te conheci e estes reconheceram que Tu me enviaste. Eu dei-lhes a conhecer quem Tu és e continuarei a dar-Te a conhecer, a fim de que o amor que me tiveste esteja neles e Eu esteja neles também”.

A oração de Jesus termina com uma invocação ao ‘Pai Justo’ (v. 25). A Justiça na Bíblia recorda estritamente uma outra realidade: a fidelidade. Ele é fiel às Suas promessas, não às expectativas dos homens. Os pensamentos de Deus não são os pensamentos do homem, e os pensamentos de Deus sobre os homens não são os pensamentos que os homens têm sobre os seus semelhantes.

Bom dia. Abraço.

Dom João Inácio Müller, ofm

Bispo de Lorena -SP